Night Sins Coffee

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Esmond Ferrenyr Doregan em Dom Mar 29, 2015 4:04 pm



O Acaso
Tornando-se Inesquecível
 
A forma como tudo aconteceu foi tão rápida e intensa que eu buscava a todo momento buscar algum indício de que tudo era real, e sentir o beijo de Remy e sua respiração quando lentamente separamos nossos lábios, isso era real, o que eu sentia por ela era real e o quanto eu estava contente por estar com ela era ainda mais real.

_ Agora chega de esperar, estou aqui para você e por você._

Ouvir sua risada baixinha era sempre algo que me fazia sorrir, seu jeito meigo e doce era algo que com certeza fazia eu apaixonar-me cada vez mais por ela, e ouvi-la dizer aquelas palavras tão profundas fez eu ficar um momento sem resposta, saber que estava conquistando o carinho de quem eu gostaria de passar junto cada um dos meus dias, era algo que realmente me tirava as palavras e roubava totalmente meus pensamentos.

_ Não faz ideia do quanto fico feliz em ouvir isso pequena, pois nessas poucas horas eu pude ter o prazer de me apaixonar por você e desejar estar ao seu lado a todo instante, sendo não só um namorado, mas seu amigo, companheiro e o refúgio que precisar quando algo lhe frustrar. Desejo que fique claro que quero poder cuidar de você e faze-la feliz a cada dia que estivermos juntos, ser para você o que está se tornando para mim, o motivo de um sorriso bobo e apaixonado._

Enquanto falava não conseguia deixar de me perder nos olhos de Remy, toda vez que via aqueles lindos olhos brilhantes eu tinha a certeza de que era com ela que deveria ficar e me dedicar, pois essa certeza só vinha com a sensação de que a cada segundo eu me apaixonava novamente e mais intensamente por ela.

COM: Remy Hadley ONDE: Night Sins Coffe VESTINDO:Isso POST: 013

@Lilah
avatar
Esmond Ferrenyr Doregan

Mensagens : 26
Dinheiro : 30
Data de inscrição : 25/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Lily V. Schüler Voss em Dom Mar 29, 2015 4:49 pm



Then I'll move on

Tear drops in your hazel eyes, I can't believe I made you cry... It feels so long since we went wrong, but you're still on my mind, never meant to break your heart...Sometimes things just fall apart! So here's one night to make it right before we say goodbye!
Quando ele disse que tinha que falar algo sério comigo antes de tomar alguma decisão. Aquilo me fez arrepiar. Fiquei um tempo parada em meio a pensamentos e então me puis a caminho para perto de Esmond novamente com um sorriso nos lábios  — Acredite, eu confio nas suas decisões! — Peguei a chave da minha moto que antes estava no bolso da calça e a coloquei na mão de Esmond. — Eu acho que você sabe dirigir... Então porque não me leva pra qualquer lugar que a gente possa conversar melhor... Porque também tenho que te contar uma coisa! — Sorri o olhando.— Mas se você não quiser ter essa conversa hoje... Pode nos levar de volta para o Instituto! A decisão é sua meu amor...  — Falei com um tom meigo e manhoso enquanto caminhava junto dele para fora do estabelecimento.

Desci as escadas do café na frente de Esmond até chegar na moto preta estacionada logo na frente. Me encostei na mesma esperando Esmond se aproximar e então dei passagem para que ele subisse na mesma antes de mim.

So wait up, wait up! Give me one more chance!


Última edição por Remy H. S. Le Fay em Dom Mar 29, 2015 5:19 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Lily V. Schüler Voss
Academia Real de St. Claire
Academia Real de St. Claire

Mensagens : 84
Dinheiro : 100
Data de inscrição : 19/02/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Esmond Ferrenyr Doregan em Dom Mar 29, 2015 5:05 pm



O Acaso
Tornando-se Inesquecível
 
Quando Remy me entregou as chaves de sua moto para irmos á outro local fiquei pensativo, e refleti quais as probabilidades de sairmos vivos dessa situação, poucas vezes havia tentado andar de moto ou carro, gostava mais de caminhar por isso nunca dera muita importância para motos ou carros, mas pelo visto era hora de tentar uma vez mais, se ela não desistisse do namoro pela razão de eu ser um bruxo provavelmente desistiria depois de saber como piloto.

_ Certo, então vamos torcer para sairmos vivos dessa experiência e conversaremos melhor._

Remy saiu na frente indo até sua moto e ficando ao lado da mesma, era uma bela máquina e eu lamentava por ela, montei na mesma e logo Remy fez o mesmo, fiz o sinal da cruz só para prevenir e logo liguei a moto, em seguida saímos do local.

COM: Remy Hadley ONDE: Night Sins Coffe VESTINDO:Isso POST: 015

@Lilah
avatar
Esmond Ferrenyr Doregan

Mensagens : 26
Dinheiro : 30
Data de inscrição : 25/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Charlotte W. N. Reinhardt em Qui Abr 16, 2015 5:14 pm

❝ she fucking hates me ❞

just gonna stand there and watch me burn?
but that's alright because i like the way it hurts
just gonna stand there and hear me cry?
but that's alright because i like the way you lie, i love the way you lie




A rainha norueguesa dormia em seu quarto, quando ouviu seu celular vibrando, com uma mensagem. A jovem coçou os olhos, pegando o celular, dando os comandos para abrir a mensagem. A leu e gritou.  — Que merda! É hoje que ele me mata! — Aurea só pensava no mais impróprio dos palavrões. Ela estava atrasada já, para sair. Mas que merda! Dormi demais, ele vai me matar! Suspirou um tanto irritada consigo mesma, suspirado fundo em seu quarto, enrolando. Colocou uma blusa marrum, um casaco rosa, jeans preto, rasgado, botas também pretas, um colar, um brinco e óculos escuros. Por mais que na Suíça estivesse frio, ela não gostava muito que reconhecessem a ela. E isso, era básicamente pelos os olhos. Arrumou seu cabelo, fazendo uma trança embutida em seu cabelo, a amarrando. Suspirou fundo, fazendo uma maquiagem o mais clean possível para não atrasar mais que o preciso. Observou se em um espelho. A roupa no geral, agradava a rainha norueguesa. Sorriu, ajeitando o casaco e a bolsa, suspirando. Pegou seu celular, digitando um texto. ❝ Eu vou me atrasar, de novo. — Aurea ❞. Enviou a mensagem para a pessoa que a esperaria no café do Vilarejo de St. Claire. A rainha sentia duas coceiras uma vez ou outra. Uma na nuca e outra na palma da mão. Ela sabia o que isso queria dizer. Tinha a ver com os segredos que poderiam mudar o rumo da humanidade. Suspirou, vendo seu celular vibrar. Deu os comandos para ver o conteúdo da mensagem, esperando a resposta com uma puta bronca, mas via outra coisa.

❝ Eu estou aqui ainda, sei todos os segredos de vocês. E aviso a todos. Um de vocês irá morrer... Espero que não lamentem a morte, mas a pessoa é tão inútil para mim, que decidi eliminar lá do nosso jogo na esperança que haja mais emoções... Ah! Só lembrando. Eu ainda estou aqui, vadias. E eu sei de tudo.. — TWW ❞

A rainha norueguesa sorria irônicamente para si mesma, após desligar seu celular, depois de ver a mensagem. Quem ela pensava que era para lhe ameaçar? A rainha jurava a si mesma que no dia que The Wicked Witch finalmente se revelasse, ela teria sua cabeça em uma bandeja de prata. Suspirou, um pouco mais preocupada. Quem morreria? Seria ela? Seria Abigail? Seria Remy? Seria... Aquela última possibilidade a apavorou. Não, não não. Ele não pode morrer. Ela se controlou para não chorar. Tinha feito a maquiagem não tinha nem 10 minutos! Andou com passos calmos em direção ao portão da Academia. Sorte que era um feriado. A vigia não era tão grande. A rainha andou um pouco mais apressada, até ser barrada por um guarda. — Majestade, perdão. Você não tem permissão para sair. Ordem de sua mãe. — Aurea tirou os óculos escuros colocando os em uma mesa, sorrindo. — Quer ver a minha autorização? — A rainha suspirou. — Esses saltos são caros... Droga. — Colocou se atrás do guarda, o derrubando com uma rasteira, então começou a puxar o braço direito do guarda com toda a força que conseguia, e olha que era muita. — Eu poderia muito bem quebrar seu braço, baby. Não me impeça de sair NUNCA mais, ou voltarei e quebrarei seu braço. — A rainha piscou, soltando o guarda, com o braço dolorido e pegou seus óculos, os colocando novamente. Aurea então, saía do instituto. Um pouco atrasada, mas ela não se importava nem um pouco.

A jovem rainha andava calmamente pelo o Vilarejo, que não era muito longe da Academia. Ela não se importava de andar. Poderia perder o peso que achava que tinha em excesso, em sua opinião. Acho que eu estou mesmo gorda... A rainha soltou um suspiro fundo, continuando a andar. Sentou se na praça com os pés doendo, por alguns minutos. Talvez estivesse mais atrasada, mas ela suspirou depois de massagear os pés e calçar novamente as botas, continuando a andar. Ela chegou no café, abrindo um sorriso vendo seu 'acompanhante'. Sentou se na mesa, cruzando as pernas. — Olhe,eu sei que estou estupidamente atrasada, mil desculpas, mesmo, mas como é um ótimo noivo, acho que vai me perdoar. — Aurea fez um bico infantil, encarando o acompanhante, rindo de si mesma, após abrir um sorriso sereno.

_________________

Well, Welcome To Your Rule, My Queen.

avatar
Charlotte W. N. Reinhardt
Rainhas
Rainhas

Mensagens : 379
Dinheiro : 519
Data de inscrição : 05/09/2013
Idade : 21
Localização : No coração do Mr. Tubbles, mas também em Oslo ou em St. Claire, Paris, Hogwarts, Acampamento Meio Sangue, Floresta de Doces, Panem ou Nárnia q

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Zachary A. C. Le Roux em Sex Abr 17, 2015 3:02 am

Warning to the people, the good and the Evil. This is war. ❝ Lari ❞
Ovento gélido lhe acariciou a face ao instante que bagunçava seus cabelos dourados, a postura denunciava seu status, o herdeiro caminhava à lentos passos rumo ao seu destino. Antes que estivesse de forma fisica na presença da rainha já sentia sua mente vagar criando futuras situações, o sorriso dela congelava-se em sua mente, ele guardava tal imagem com tamanho zelo que nem mesmo o seu maior tesouro seria comparado em importância.
O homem de cabelos grisalhos lhe dirigiu um aceno discreto, o jovem principe não esboçou reação alguma enquanto parava diante da porta que logo fora aberta para que o mesmo entrasse no veiculo, a viagem ocorreu de forma silenciosa e o garoto mantinha seu olhar perdido, o percurso era demasiadamente curto e logo alcançaram seu destino, Zachary observou o local sem manifestar-se até que a porta fora aberta novamente o fazendo estremecer com o repentino desconforto ocasionado pela mudança de temperatura, o interior confortável do veiculo fora abandonado e logo o mesmo partiu com a permissão de Roux. Vestia um blazer que sobrepunha um suéter, isso o mantinha aquecido, sua calça era clara e igualmente confortável, Zachary sentia-se familiarizado com aquele ambiente, não se demorou a acomodar-se em um dos assentos próximos a janela. Sentiu um sútil desconforto em sua perna, o aparelho vibrava dentro de seu bolso esquerdo e o mesmo foi capturado pela mão ágil do herdeiro, seus olhos percorreram a tela com ansiedade surpreendente.
" ❝ Eu vou me atrasar, de novo. — Aurea ❞" Permitiu que um suspiro lhe escapasse de entre os lábios e largou o celular sob a mesa, ergueu a mão e indicou para que uma loura uniformizada se aproximasse. - Me traga um capuccino. - Sua voz soava autoritária, assim que proferiu a garota lhe questionou sob a temperatura da bebida e então se retirou para cumprir com a nova tarefa.
Aquele pequeno artefato, sua honra e amor simbolizados naquela esfera que significava a eternidade, circular, sem fim. Ele girava a aliança por entre os dedos enquanto ponderava o peso que ela incumbia, tinha uma frança inteira para se preocupar e desejava dedicar-se à ela. Ainda era capaz de se recordar do quão contrariado havia se sentido ao ser prometido à Aurea, assim que alcançou sua adolescência e pode, enfim, tornar-se homem viu na garota de cabelos negros o seu verdadeiro amor.  
A companhia tocou, ela anunciava a chegada de um novo membro para aquele recinto, assim como anunciou a chegada de Zachary, seus olhos se ergueram de forma súbita e logo pode ver a rainha adentrar, sempre se surpreendia como ela o impressionava, ajeitou-se na cadeira que ocupava antes de se levantar, deu um passo à frente para que pudesse eliminar a distância entre ambos, inclinou-se na direção de Aurea e comprimiu os lábios contra a face da mesma antes de se sentar novamente
.-  Olhe,eu sei que estou estupidamente atrasada, mil desculpas, mesmo, mas como é um ótimo noivo, acho que vai me perdoar.- O jovem príncipe entre abriu os lábios para que pudesse proferir a resposta mas logo foi interrompido pela garçonete que deixava ao alcance do loiro uma xícara, após um agradecimento sutil ele se voltou para Aurea novamente -Está tudo bem, irá me recompensar com sua companhia. O que deseja beber ? - Suas palavras iniciais foram entonadas de divertimento, as finais adotaram um tom formal que permitia a intromissão da garçonete.
My world, my rules.
avatar
Zachary A. C. Le Roux
Príncipes
Príncipes

Mensagens : 3
Dinheiro : 4
Data de inscrição : 15/04/2015

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Charlotte W. N. Reinhardt em Sex Abr 17, 2015 1:50 pm

❝ she fucking hates me ❞

just gonna stand there and watch me burn?
but that's alright because i like the way it hurts
just gonna stand there and hear me cry?
but that's alright because i like the way you lie, i love the way you lie




Aurea mantinha um sorriso mínimo, enquanto ouvia o rapaz francês. A expressão calma de Aurea não a fazia pensar muito em todos os problemas que tinha. A crise com a religião em seu país. 'A jovem rainha'. Ela pensava no que isso significava ou ao menos, implicava. Ela só tinha 18 anos, era responsável por toda uma nação e o rapaz a sua frente, seria seu marido. Não por escolha, apesar de que se ela pudesse escolher, não mudaria. Mas a única coisa que provavelmente a jovem rainha mudaria, seria seu pai estar morto. Era um peso extremamente grande para ela governar uma nação toda, sozinha, com ajuda de um grupo de homens idosos que não tinham sua visão de um futuro grandioso para a Noruega e só queriam dinheiro e sua mãe, uma completa inútil que não governava nem um país direito e Aurea tinha de pedir para seu tio, o rei sueco para lhe ajudar, para que sua mãe não ferrasse seu país enquanto ela não voltava.

Ela sorriu, ao ouvir o rapaz. Mas não sabia muito bem o que dizer. Mas tentou algo. Que talvez soasse extremamente idiota. — Que bom que minha companhia conta como moeda de troca. Acho que vou usar essa moedinha mais vezes... — Disse pensativa, coçando sua nuca.  Observou o café e seu movimento, se pronunciando. — Eu quero... Um chá de morango, por favor. — Aurea arqueou a sobrancelha. — Ah qual é, isso existe e é muito bom. Eu tomo muito. — Ela deu de ombros, tirando o casaco rosa que usava, colocando em cima da cadeira. Ajeitou sua blusa, pensando em alguma coisa qualquer que fosse. Além de sua aliança de noivado, um outro anel pendia em sua mão direita. Ela observava a aliança com um olhar atento, até soltar um suspiro, sorrir por fim, mas o sorriso desapareceu. — Já falou com a sua irmã? Você meio que... Hã, deu para entender. — Aurea não queria deixar evidente o que provavelmente o francês sabia. A tal saída que demorou quase 1 mês. A jovem rainha odiara admitir. Tinha se preocupado por todo aquele mês e ela não queria que tivesse sido a toa. — O-onde estava? O que aconteceu mês passado? Acho que isso, ao menos, mereço saber, não? — A voz saiu baixa, mas não impossível de ser ouvida. Seu chá tinha sido trazido pela a garçonete loira. A jovem murmurou um obrigada baixo. Pegou o chá com as duas mãos, bebendo um pequeno gole, encarando o príncipe. Ela queria saber e estava curiosa.

_________________

Well, Welcome To Your Rule, My Queen.

avatar
Charlotte W. N. Reinhardt
Rainhas
Rainhas

Mensagens : 379
Dinheiro : 519
Data de inscrição : 05/09/2013
Idade : 21
Localização : No coração do Mr. Tubbles, mas também em Oslo ou em St. Claire, Paris, Hogwarts, Acampamento Meio Sangue, Floresta de Doces, Panem ou Nárnia q

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Zachary A. C. Le Roux em Seg Abr 20, 2015 4:52 am

Warning to the people, the good and the Evil. This is war. ❝ Lari ❞
O O vapor aquecia os lábios de Zachary antes que o liquido os tocasse, assim que o fez, o sabor inundara a boca do garoto em uma sensação tão conhecia mas  de grande estima para ele, permitiu que o cappuccino permanecesse em contato com sua língua por alguns segundos antes que este descesse por sua garganta, os olhos claros do Lycan analisavam a recém chegada com divertimento, o mesmo que era demonstrado por sutis sorrisos que eram esboçados de forma breve. - Que bom que minha companhia conta como moeda de troca. Acho que vou usar essa moedinha mais vezes...- O jovem herdeiro pousou sua xícara à sua frente sem desfazer o contato visual, a leveza com que a garota lidava com as situações divertiam o rapaz, ela era sua obrigação mais prazerosa, disse a si mesmo. Zachary arqueou uma sobrancelha ao ouvir o pedido, ele tinha a plena certeza que, caso não houvesse, eles tratariam de inventar  aquilo que fora “pedido” pela rainha. O polegar do garoto contornava a borda da xícara despreocupadamente, seus lábios se comprimiram com o questionamento dela e um suspiro lhe escapou de entre os lábios enquanto ponderava sua resposta, imagens dos últimos acontecimento passaram como um curta em sua mente, ele olhava para além do vidro que separava o interno do externo daquele recinto. - O-onde estava? O que aconteceu mês passado? Acho que isso, ao menos, mereço saber, não? – Seus dedos pressionaram a xícara com mais força que o adequado, uma de suas mãos deslizou pela  mesa, sentia cada relevo que a tornava imperfeita e tão delicada, a ponta de seus dedos alcançaram as costas da mão de Aurea e deslizaram até os dedos dela os quais contornou com delicadeza os afastando de sua xicara, estava sutilmente inclinado na direção da mesma. –Estava caçando, entenderá que não poderei expor detalhes aqui, certo ?-Ele meneou a cabeça na direção das outras mesas ocupadas, pressionou levemente seus dedos contra os dela antes de soltar e retomar sua postura habitual. –Espero que não tenha se preocupado, não se passou um dia que não habitasse meus pensamentos. – Proferiu calmamente.
My world, my rules.
avatar
Zachary A. C. Le Roux
Príncipes
Príncipes

Mensagens : 3
Dinheiro : 4
Data de inscrição : 15/04/2015

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Charlotte W. N. Reinhardt em Seg Abr 20, 2015 5:30 pm

❝ she fucking hates me ❞

just gonna stand there and watch me burn?
but that's alright because i like the way it hurts
just gonna stand there and hear me cry?
but that's alright because i like the way you lie, i love the way you lie




Aurea mantinha um sorriso mínimo, enquanto ouvia o rapaz francês. Ela não sabia muito bem o que fazer. Abriu um sorriso, depois de lhe ouvir, um pouco mais relaxada. Se endireitou, o observando, enquanto pensava em algumas coisas, principalmente seu país. Ela não sabia muito sobre o que iria fazer de sua vida, ou até mesmo com seus conselheiros. Ela odiava todos. Todos conspiravam contra a jovem assumir o trono, sozinha. Sorriu para si mesma.

Observou o francês sorrindo, enquanto via suas bochechas corarem com o que ele falava e fazia, sorrindo. Se endireitou, sentindo os toques em suas mãos. Sorriu mais calma, ao apertar a mão do francês. Ela se sentia confortável consigo mesma. Deu um sorriso. — Sim, eu vou entender... Mas não me impede de me preocupar, acostume se. — A jovem depositou um beijo leve na mão do francês, o encarando um tanto aflita. Nunca me peça para não me preocupar. Eu sempre vou me preocupar... É uma das minhas 'responsabilidades'. — Deu o sorriso habitual, quando ouviu que estava nos pensamentos do francês. — Eu... Me preocupei mais do que consigo imaginar. Pode perguntar a Quentyn, teve dias que chorei achando que estivesse morto. — A rainha deu um tapa forte no braço do francês. — Não me preocupe assim novamente! Não suma sem avisar! — O bufo da jovem era audível. Seu celular tocava ruidosamente, até ela atender. Seus conselheiros. Merda... Suspirou um tanto triste. Odeio acabar com nosso momento. Minha irmã, Emma, sim, eu tenho uma irmã gêmea que nem conheci, está chegando de Helsnique. Preciso ver lá. — A rainha beijou o francês, de modo afetuoso um tanto demorado, mas sorriu. — Desculpe me, mesmo... Hm! Se quiser vir comigo, vai gostar de Emma. Não é tão diferente de mim. — Deu de ombros e puxou o francês para fora do café.




Encerrado a ambos

_________________

Well, Welcome To Your Rule, My Queen.

avatar
Charlotte W. N. Reinhardt
Rainhas
Rainhas

Mensagens : 379
Dinheiro : 519
Data de inscrição : 05/09/2013
Idade : 21
Localização : No coração do Mr. Tubbles, mas também em Oslo ou em St. Claire, Paris, Hogwarts, Acampamento Meio Sangue, Floresta de Doces, Panem ou Nárnia q

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Night Sins Coffee

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum