Aposento de Hannah R. W. Pallas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Aposento de Hannah R. W. Pallas

Mensagem por Alaska Dermott Windsor em Qui Fev 12, 2015 9:01 pm

Aposento de Hannah Pallas
Marquesa de Oxford

Como dizem porai, quarto emo gótico suave vampiro raro e diferente exótico rebelde vegano ateísta cheio de ódio e obscuridade arcana satânica 666 from réu urban conceitual deprê agnóstico cortador de pulso e teta.
© darren criss
avatar
Alaska Dermott Windsor
Princesas
Princesas

Mensagens : 181
Dinheiro : 299
Data de inscrição : 11/02/2015
Idade : 19
Localização : St. Claire

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aposento de Hannah R. W. Pallas

Mensagem por Remy R. W. Pallas em Ter Fev 17, 2015 10:00 pm




The girl with the broken smile
accompanied by: Alice Devereaux . mood: depressed . where: my bedroom


 Entrei no meu quarto com passos lentos. Eu realmente não estava bem ao ponto de sair chorando da aula de política sem dar mais explicações. Geralmente eu não era do tipo que chorava em publico, tão pouco do tipo que demonstra fraqueza, por minima que seja. Tranquei a porta e logo me escorei nela olhando cada canto do meu quarto e deslisei suavemente minhas costas pela porta até me sentar no chão abraçando meus joelhos. Eu já não chorava mais, mas meus olhos continuavam lacrimejando informando que mais cedo ou mais tarde eu voltaria a chorar.
 Minha cabeça doía mas a notícia que eu havia recebido por SMS não era suportável, não para mim, porque Andrew, meu padrasto havia se ferido gravemente em um acidente e, talvez pela gravidade de seus machucados ele não saísse vivo. Tudo bem, Anddie poderia não ser o meu pai biológico, mas era ele quem havia me criado, me dado colo e soprado todos os meus machucados quando eu era criança... Fora ele que me ensinara a andar de bicicleta, a desenhar e a ouvir blues... Também era Andrew que me ensinara a dirigir, que me consolava quando eu estava decepcionada e que me fazia rir quando tantas vezes minha mãe exigia tanto de mim e me pressionava... De certa forma ele era mais do que o meu pai, era meu anjo de guarda.
 Olhei para o teto, não que eu acreditasse em Deus ou fosse religiosa, longe disso, mas, rezei para que caso Deus existisse tirasse meu tão amado padrasto daquela situação. Eu estava sem reação e ligar para minha mãe seria o pior a fazer naquele momento. Passei a mão no rosto, ainda molhado tento me recompor, em vão. Meu coração estava partido, meus olhos estavam vermelhos e minha respiração descontrolada. Eu não podia ajudar, não podia vê-lo porque estava muito longe de Oxford... Eu não tinha o que fazer alem de chorar  e me lamentar pelo ocorrido.
Template By: Remy
avatar
Remy R. W. Pallas
Marquesas
Marquesas

Mensagens : 82
Dinheiro : 102
Data de inscrição : 11/02/2015
Idade : 24
Localização : St. Claire

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aposento de Hannah R. W. Pallas

Mensagem por Remy R. W. Pallas em Ter Fev 17, 2015 11:13 pm




The girl with the broken smile
accompanied by: Alice Devereaux . mood: depressed . where: my bedroom


 Alice netrou no meu quarto o que me assustou. Eu podia jurar que havia trancado a porta, engoli o choro e sorri fraquinho, em vão, pois as lágrimas insistiam em descer. Alice se sentou ao meu lado me abraçando, e eu realmente precisava daquilo. Correspondi ao abraço e ao mesmo tempo molhei sua blusa após deitar minha cabeça em seu ombro. Alice me perguntou o que havia acontecido, a soltei do abraço e olhei em seus olhos tentando novamente engolir o choro. — É o Andrew! —  Alice conhecia Andrew, conhecera ele semanas antes de irmos para St. Claire, quando ela passou quatro dias em meu castelo comigo, minha mãe e meu padrasto. De certa forma Alice também sabia tudo que Andrew representava para mim e que, eu não podia contar com a minha mãe para me consolar e que, sem o Andrew eu estaria completamente sozinha, quando se tratava de família. — Ele estava dirigindo, aquela velha e idiota moto que ele tanto ama, quando um caminhão de petróleo —  Parei de falar tentando novamente controlar o choro —   Quando... um caminhão de petróleo colidiu com ele... Agora ele está em um estado crítico, na UTI de uma droga de hospital! —  Disse parando de olhar nos olhos de Alice e voltando meu olhar para o chão. Alice me pediu calma mais voltar a chorar como se estivessem arrancando meus membros foi inevitável. Alice me pediu para não esperar o pior mas grande parte de mim estava extremamente pessimista. Alice se levantou e me ajudou a levantar, e abraçada a mim me ajudou a voltar para a cama. Me sentei em cima dos lençóis vermelhos enquanto Alice me dizia que precisava me contar algo, e foi rum em direção a minha porta, a trancando. Uma parte de mim não tinha a certeza se queria saber. Alice retornou até mim, parecendo ansiosa e aflita e começou a perguntar se eu acreditava em bruxas, magia e esse tipo de coisa. Assenti com a cabeça. Alice segurou o meu braço colocando sua mão sobre o ferimento que eu havia conseguido durante o baile de máscaras e quando ela retirou as suas mãos não havia mais nada, nem ao menos uma cicatriz. Olhei para Alice assustada por alguns segundos. Ela se sentou ao meu lado, perguntando-me o que eu achava —  Eu... Não sei o que eu acho... Eu... isso, você ser... —  Dei uma pausa longa tentando raciocinar  —  Isso não muda nada! Eu ainda amo você! E se... isso faz parte de você, eu aceito e aprendo amar esse seu outro lado também! —  Disse sorrindo fraquinho. —   Mas se estamos sendo sinceras... —  Eu falei passando a mão em meu rosto enxugando-o, dessa vez, havia parado de chorar. —  Eu também tenho que te contar algumas coisas! —  Me levantei caminhando lentamente até meu velho piano. Passei minha mão de leve sobre o instrumento e me sentei no banco acolchoado de costas para Alice. —   Existem duas coisas sobre mim... Que você, realmente precisa saber! — Falei soltando um longo suspiro  —  Eu estou tão perdida, tão sozinha, Alice! E eu não posso mais esconder isso de você!  — Passei a mão em meu cabelo pois uma mecha do mesmo estava caída em meu olho.  —  Eu tenho uma doença… É uma doença genética, então não tem tratamento, muito menos cura! Porque ela faz parte do meu DNA... Se chama Huntington! — Olhei para Alice com um olhar vazio e desolado —  É uma doença degenerativa que afeta o sistema nervoso... Eu não tenho os sintomas ainda, mas quando eles começarem... Eu vou perder o controle do meu corpo e vou morrer em menos de vinte anos!  — Acabei tirando o peso das minhas costas. Era engraçado como os meus medos infantis tinham a mania de virarem realidade. Quando minha vó morreu de huntington eu implorei para que eu não morresse da mesma forma... E agora, eu estava destinada aquilo  —   Mas eu não quero que pense nisso Alice, não quero que viva preocupada com isso! A única coisa que eu quero é que me deixe... Pode me deixar agora se não quiser, mas... se decidir ficar comigo... Quero que me deixe assim que os sintomas começarem! Eu não quero que você veja a vida se esvair de mim aos poucos! —  Completei e me virei para que oudesse olhar nos olhos de Alice mas antes que ela dissesse algo ou mostrasse alguma reação voltei a falar  —  E também... Eu queria... quero, viver a minha vida lutando por algo... Eu faço parte da operação Silverfinger! Eu era uma das pessoas que estavam por trás das bombas jogadas aqui em St. Claire! E... Eu juro, era para eu ter tirado você do salão ates daquela maldita bomba cair! Eu falhei com você! Falhei em te proteger!  —  Completei voltando a ficar de costas para ela  — Me perdoe!  — Falei agora com uma voz um pouco mais baixa me preparando psicologicamente para qualquer reação negativa que ela tivesse.
Template By: Remy
avatar
Remy R. W. Pallas
Marquesas
Marquesas

Mensagens : 82
Dinheiro : 102
Data de inscrição : 11/02/2015
Idade : 24
Localização : St. Claire

Ficha do personagem
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Aposento de Hannah R. W. Pallas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum